Apos perder a esposa homem recria ensaio fotografico com sua filha

Rafael Del Col, de apenas 30 anos, perdeu sua esposa, Tatiane Valques Lorencete Del Col, em um acidente de carro no ano de 2013 e, desde então, cuida da filha do casal, Raisa, em Maringá. Ele criou o blog O diário de Raisinha, para compartilhar sua experiência e rotina com homens que também não têm a presença materna no processo de criação de seus filhos.

Ler mais

Ex-BBB Bruno Jácome se casa em Minas Gerais; lembra dele?

O mineiro que participou da 7ª edição do ‘BBB’ oficializou a união com Ana Paula Oliveira em um cerimônia íntima ao ar livre para amigos e familiares.

Bruno Jácome, da 7ª edição do “BBB”, se casou com Ana Paula Oliveira no sábado, 1, em uma cerimônia íntima ao ar livre para familiares e amigos mais próximos do casal. O casório aconteceu em Vale Verde, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG). Os dois estão juntos há cinco anos e atualmente moram em Santos Dumont, onde trabalham no ramo de acessórios de beleza.
Em entrevista ao EGO em 2010, o mineiro se disse apaixonado por Ana Paula e contou que planejava se casar com a moça, também mineira, após apenas um mês de namoro.

_MG_4025

_MG_4040

_MG_4053

_MG_5560

_MG_5652

_MG_5974

_MG_6132

_MG_6447

IMG_9337

Cerimônia – Fotografia de Casamento

Existem momentos que são muito marcantes em uma cerimônia de casamento. A emoção do pai ao se preparar para a entrada, a abertura das portas, o momento em que o noivo a vê pela primeira vez, benção de alianças, votos, etc. São sem dúvida momentos marcantes e que ficam nas nossas memórias por muito tempo… e nas fotos é claro! A arte da fotografia, a técnica e o olhar atento do fotógrafo para tudo o que está acontecendo são essenciais para um registro bem feito.

Separei algumas que gosto muito para compartilhar com vocês. Depois irei postar outras separadas por assuntos como recepção, making of e externas.

Momentos especiais de cerimônias de casamento

_EFranco0085

Fotografia de Casamento

Fotografia de Cerimônia

Fotografia de Casamento

Fotografia de Cerimônia

Fotografia de Casamento

Fotografia de Cerimônia

Fotografia de Casamento

06_bg

Visite nosso site para atualizações.

Casamento Regina e Ademir

Cobertura fotográfica de casamento realizado na cidade de Curvelo em julho/2015.

Casamento Regina e Ademir

Casamento Regina e Ademir - Eduardo Franco Fotografia

Casamento Regina e Ademir - Eduardo Franco Fotografia

Casamento Regina e Ademir - Eduardo Franco Fotografia

Casamento Regina e Ademir - Eduardo Franco Fotografia

Casamento Regina e Ademir - Eduardo Franco Fotografia

Casamento Regina e Ademir - Eduardo Franco Fotografia

Visite nosso site para atualizações sobre fotografia de casamento e eventos sociais.

10 dicas de fotografia digital

Esta fotografia premiada, de Bradley Reiman, utiliza propositalmente o contra-luz. Caso ele quisesse mostrar as pessoas, poderia usar um flash como preenchimento.

Foto: BBC Brasil

Tirar fotografias não é uma tarefa tão fácil quanto pode parecer. A habilidade em fotografar vai muito além de um simples apertar de um botão. Veja a seguir algumas dicas básicas para melhorar suas fotos.

1) Enquadramento

Tente fugir do clichê de colocar o assunto sempre no meio da foto. Desclocar o objeto principal da imagem pode fazer toda a diferença para deixá-la mais interessante.

Divida mentalmente o visor da câmera em três colunas e três linhas, como em um jogo da velha. As intersecções das linhas são os pontos mais interessenantes da sua foto. As linhas em si também mostram pontos de destaque, para colocar os olhos de uma pessoa ou o horizonte, por exemplo.

2) Flash desnecessário

Uma das coisas mais complicadas na fotografia é aprender a usar o flash de forma correta. Usar o flash muito em cima pode deixar a foto toda clara, e muito longe, escura.

Lembre-se que o flash tem um alcance limitado, de normalmente três a cinco metros, às vezes um pouco mais. Não adianta deixar o flash ligado em uma foto onde o foco é um objeto a 30 metros.

Um bom exemplo de mau uso do flash são shows. Em linhas gerais, não é necessário luz extra alguma nesse caso. A luz do palco é mais do que suficiente para sua foto. Usar flash só vai iluminar as cabeças de quem está na sua frente, fazendo sumir o resto.

3) Flash necessário

Um ambiente escuro não é o único lugar onde o flash é um acessório necessário. Em uma foto contra-luz, por exemplo, o flash pode ser usado como preenchimento.

Quando você for tirar uma fotografia de alguém com uma fonte de luz ao fundo, como o sol, por exemplo, você pode notar que o sol vai ficar brilhante e somente a silhueta da pessoa vai aparecer. Neste caso o flash irá suprir a falta de luz, deixando ambos visíveis.

4) Cuidado com o fundo

Tenha muito cuidado ao selecionar o local onde você vai tirar um retrato. A escolha do que aparece ao fundo é tão importante quando o que vem em primeiro plano.

Cores vibrantes, linhas e outros objetos podem interferir ou tirar a atenção do foco. Um erro engraçado, porém muito comum, é tirar foto de uma pessoa em frente a uma árvore onde os galhos parecem formar chifres sobre sua cabeça.

5) Retratos

Aproxime-se. Quando o assunto é uma pessoa, o que se quer mostrar é, oras, a pessoa. Não tenha medo de chegar perto. Se quiser, pode até cortar um pouco da parte de cima da cabeça. A esta distância é possível reparar em detalhes como sardas e cílios. O que não pode acontecer é aquele monte de nada na volta e um pequeno sujeito no meio.

6) Olhe nos olhos

Tire fotos na altura dos olhos da pessoa. Para tirar foto de criança fique de joelhos, sente, atire-se no chão. Faça o necessário para ficar ao nível dela.

7) Fotos verticais

Muitos assuntos exigem uma foto vertical. Se o foco tiver mais linhas verticais, como um farol ou uma escada, vire a câmera.

8) Aproveite a luz

Não há luz mais bonita que a luz natural do sol. Sempre que puder, aproveite-a. Posicione-se de forma a deixar a fonte de luz à suas costas, aproveitando assim a iluminação. É impressionante quanta diferença pode fazer um simples passo para o lado.

A luz difusa de um dia nublado é excelente para realçar cores e suavisar contornos, sendo excelente para tirar retrados.

É preciso de muito cuidado ao usar o flash. A luz dele, além de forte, tem uma cor diferente a do ambiente. Uma luz dura vai deixar rugas e imperfeições muito mais aparente. Já notou como sempre se fica feio em foto 3×4? Eis a resposta.

9) Cor

A maioria das câmeras digitais vêm com controle de cor, ou white balance. Esse controle de cor faz com que o branco seja realmente branco sob determinada fonte de luz. Mas as configurações pré-selecionadas da câmera nem sempre são as mais indicadas para quem quer fidelidade.

A configuração para dias ensolarados, normalmente indicada por um pequeno sol, dá um tom mais amarelado às fotos. Essa tonalidade dá uma sensação de calor e afeto, tornando a foto mais interessante sob determinados aspectos.

Experimente bastante o controle de cor até acertar o que mais se adequa ao que você quer.

10) Experimente

Não há melhor dica do que esta: experimente. O segredo da fotografia está na tentativa e erro. Leia de cabo a rabo o manual da sua câmera, para saber tudo que ela é capaz, e tente todas as configurações possíveis.

A fotografia é muito subjetiva, não há regras. O mais importante é aprender a dominar a luz e sua câmera, para depois fazer o que quiser.

Fonte: Terra